Biblioteca – Sobral de Monte Agraço

Descritivo

Inserido na malha Pombalina da Vila de Sobral de Monte Agraço, o edifício, datado do
séc.XVIII, que tinha sido até à data utilizado como armazém e habitação, apresentava alguma
degradação.

Dada a centralidade do edifício decidiu a Câmara instalar aí a Biblioteca Municipal.

Do edifício foram mantidas as fachadas principal e lateral, esta última com algumas alterações,
albergando a entrada de serviço, a fachada posterior foi alterada de modo a proporcionar
iluminação através de um vão de grande dimensão e com duplo pé direito, abrangendo os dois
pisos do edificado.

O interior foi totalmente demolido e reconstruído, maioritariamente em open space, tendo a
estrutura sido reforçada, sendo integrada nas paredes existentes que foram mantidas.

A solução para a cobertura, dada a manutenção de paredes existentes, foi de estrutura de
madeira lamelada, com solução de isolamento térmico em placas compostas, sendo a sua face
interior em OBS, que se manteve à vista, e ainda subtelha e telha romana tradicional.

A biblioteca organiza-se em dois pisos, no piso térreo existe a recepção, um espaço polivalente
para auditório/sala de exposições e aa zona infantil. No piso superior situa-se a zona para
adultos.

Existindo um logradouro a tardoz este foi concebido como espaço de estar ajardinado, com um
ponto de água decorativo e com acesso à cafetaria.

Ficha Técnica

Local: Rua do Município -Sobral de Monte Agraço

Cliente: Câmara Municipal de Sobral de Monte Agraço

Projeto: 1997

Construção: 2002

Arquitetura: Rita Dias

Estabilidade, Águas e Esgotos: Isabel Policarpo

Inst. Elétricas e Mecânicas: António Pires

Empreiteiro: Edgar Miller, Lda